Olha quem está falando, quer dizer, voltando. =D

1 de fevereiro de 2009

Bluetooth e SMS Marketing

Segundo a Anatel o nosso imenso país tem mais de 150.000.000 celulares ativos, para ser mais exato são 150.215.474, ou seja, quase oito celulares para cada dez brasileiros.
Com essa grande e gorda 'vaca roxa' em mãos, os publicitários há muito tempo estão utilizando esta tecnologia para penetrar no coração e principalmente no bolso do consumidor.
O mercado de mobile marketing está em expansão. Segundo dados da Mobile Marketing Association, os investimentos mundiais em publicidade no celular devem saltar de 24 bilhões de dólares em 2006, para 55 bilhões de dólares em 2011.








Realidade no Vale do Paraíba
A nossa querida região já começa a explorar os caminhos do Mobile Marketing. A empresa Coddex atua com algumas ferramentas do acima descrito, como SMS e Bluetooth Marketing. Leia uma pequena entrevista com Nilo Borrielo, responsável pela empresa.


Nilo Borrielo, Coddex de São José dos Campos


Blog Publiloucos: Qual a função do SMS Marketing?
Nilo Borrielo: Podemos utilizar o SMS Marketing (envio de mensagens de texto via SMS para celulares) para diversas ações: presentear clientes preferenciais, importantes informações promocionais, ou simplesmente para comunicar algo.

Blog Publiloucos: E o Bluetooth Marketing?
Nilo Borrielo: O Bluetooth Marketing (envio de mensagens de texto, imagens, vídeos, áudio e aplicativos para equipamentos móveis, inclusive celulares) é um marketing de permissão, ou seja, necessita da permissão prévia do destinatário para o envio do conteúdo. Uma ferramenta extremamente poderosa de marketing. Suas ações podem ser as mais diversas possíveis, em ambientes abertos ou fechados, e podem fazer com que o destinatário tenha uma interatividade longa e duradoura com a marca.
Vamos a um exemplo: imagine você circulando próximo ao cinema a procura de um filme, quando recebe a seguinte mensagem em seu celular “deseja receber conteúdo do cinema tal”, sim ou não? Aceitando, você poderia receber por exemplo a grade de programação do mês de todos os filmes e de forma interativa, quase como um mini site, escolher o filme, a seção, ler a sinopse e inclusive ver o trailer. Esse aplicativo, por ser de utilidade, ainda vai ficar por muito tempo no celular desse destinatário, o qual vai ser consultado diversas vezes toda vez que o mesmo desejar voltar ao cinema E ainda poderá ser enviado para amigos promovendo um marketing viral.





"O Mobile Marketing vem somar
as demais ações de uma
campanha publicitária, com ele
passamos a idéia do novo, do interativo, do imediato, do inovador,
do criativo, fazemos o cliente pensar,
interagir, comentar, surpreendemos de forma positiva".



Leia também a opinião de Robson Cavalcante, responsável pela Criative Comunicação de São José dos Campos.

Blog Publiloucos:O que você acha do Mobile Marketing?
Robson Cavalcante:Mobile Marketing é uma novidade antiga. Faz tempo que recebemos mensagens dos amigos e até mesmo das empresas através do antigo PAGER (nossa, estou me sentindo um velho, rs) e a coisa mudou de figura quando chegaram os celulares com um montante de opções com acesso fácil, rápido e simples, tudo com um pequeno teclado na palma da mão. O celular deixou de ser pessoal e passou a ser social, ou seja, as pessoas começaram a interagir e a participar desta nova realidade. Outro fator importante e que devemos considerar é a acessibilidade para esta ferramenta. Pergunto à você: Todos os seus amigos possuem celular? Acredito que a sua resposta seja sim, com certeza! É muito barato adquirir um celular atualmente.

Blog Publiloucos:E se aplicado no Vale do Paraíba?
Robson Cavalcante: Para o nosso mercado, acredito que seja uma ferramenta fundamental pois além de funcional é extremamente barata em relação à outras mídias. Outro importante fator está ligado à segmentação de mercado e o perfil do público–alvo. A maioria dos jovens possue e utiliza diariamente a ferramenta, até mesmo nas áreas mais carentes onde o computador não chega, está lá o celular marcando presença. Os celulares já fazem parte da nossa vida e do nosso cotidiano, portanto, fazer bom uso desta ferramenta requer conhecimento, aprimoramento e conhecimento em novas tecnologias. Uma vez participei de um debate regional onde discutíamos justamente a integração de novas mídias em nosso cotidiano e percebi uma grande barreira por parte de nossos colegas empresários/publicitários na implementação da tecnologia na região. Muita gente ainda prefere utilizar a convencional TV ou mesmo o rádio e outdoor para atingir o público-alvo em suas campanhas. Neste mesmo painél senti um grande descaso em relação as novas tecnologias. Será que atualizaram o Windows? Rsrs. Até mesmo o Windows foi atualizado. Socorro, e as pessoas? Bom, acredito que ainda estejamos longe de utilizarmos a ferramenta para campanhas no Vale. Desconheço alguma empresa do Vale que já o tenha utilizado, me perdoem os concorrentes, mas estou sendo sincero em minhas respostas.



Robson Cavacante, Criative Comunicação de São José dos Campos

"A maioria dos jovens
possue e utiliza
diariamente a ferramenta,
até mesmo nas áreas mais
carentes onde o computador não chega,
está lá o,
celular marcando presença".

0 opiniões:

Postar um comentário

O seu comentário é muito importante. Diga para todos o que você pensa! Ou melhor escreva.
Eu agradeço o comentário, se você não me xingou (e nenhuma outra pessoa de minha família), é claro.

Volte sempre!